• Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Como descompactar arquivos tar, tar.gz/tgz, tar.bz2 e tar.xz

A maioria dos arquivos que você encontra na Internet para Linux são distribuídos no formato chamado tarball. Isto significa que o arquivo foi criado com o comando tar e, pode ou não ter sido compactado.

Vamos lá, como você expande um arquivo destes?

O formato básico que é o .tar pode ser expandido assim:

tar -xf arquivo.tar

Neste exemplo a letra x serve para extrair os dados e a letra f indica o arquivo a ser processado.

O segundo exemplo é o arquivo .tar.gz ou .tgz. Os dois são do mesmo tipo. Na verdade são arquivos .tar compactados com gzip. Processando tudo de uma vez: descompactando e abrindo o arquivo .tar.

tar -xzf arquivo.tar.gz

ou

tar -xzf arquivo.tgz

Nesse exemplo entrou a letra z responsável por acionar o comando gunzip para descompactar o arquivo antes do comando tar extrair o conteúdo.

Se você quiser, pode primeiro descompactar o arquivo e depois extrair o pacote tar:

gunzip arquivo.tar.gz
tar -xf arquivo.tar

ou

zcat arquivo.tar.gz | tar -xf -

Nesse último exemplo o comando zcat descompacta o arquivo e, ao invés de gravar um novo arquivo em disco, eu jogo os dados diretamente para o comando tar que lê os dados com o caractére – (hífen) no final da linha.

O próximo tipo é o formato .tar.bz2 que são arquivos compactados com bzip2. Para extraí-los você deve usar a letra j assim:

tar -xjf arquivo.tar.bz2

ou

bunzip2 arquivo.tar.bz2
tar -xf arquivo.tar

ou

bzcat arquivo.tar.bz2 | tar -xf -

O último formato a ser visto é o .tar.xz. O compactador xz oferece o melhor grau de compactação mas também leva mais tempo para ser criado. Para extrair um formato xz use a opção J assim:

tar -xJf arquivo.tar.xz

Espero que você tenha entendido.

Marcos Sungaila